13 abril 2016

[Resenha] Para Todos os Garotos que já Amei - Por Jenny Han


Título: Para Todo os Garotos que já Amei
[ Para Todos os Garotos que já Amei #1 ]
Autor (a): Jenny Han
Páginas: 320
Editora: Intrínseca
Skoob || Encontre
4 ESTRELAS

Sinopse: Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou — cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos.
Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.


Lara Jean é a filha do meio toda certinha e na dela. Não é destemida como Margot sua irmã mais velha ou determinada como Kitty sua irmã mais nova. Desde que perderam a mãe as meninas cuidam uma das outras e do pai que tanto amam. Margot sempre cuidou das coisas complicadas e organizações da rotina diária, mas agora indo para a faculdade sobra para Lara Jean fazer todas essas coisas, o problema é que a jovem é totalmente dependente da sua irmã e sente que não conseguirá fazer nada sem ela.

Desde pequena Lara Jean tem uma técnica para superar seus amores não correspondidos onde ela escrevia cartas para os garotos dando um adeus aquela paixão. Todas essas cartas sempre ficaram guardadas numa caixão que ganhou da mãe e um dia misteriosamente são enviadas. Agora além de ter que se adaptar com sua nova rotina ela também enfrentará as consequências que as cartas trarão.

Umas delas chegou até Josh causando vários problemas já que ele era sua antiga paixão antes de se tornar namorado da sua irmã. Para esconder que ainda sente algo ela inventa que está namorando com Peter que também recebeu uma carta mas hoje é um dos garotos mais populares da escola e também mais odiado pela Lara Jean. Peter precisa mostrar que terminou de vez com Genevive e esse namoro falso beneficiará as duas partes. Com o tempo ambos percebem que não são nada do que imaginavam e fingir que estão apaixonados pode se tornar mais real do que imaginam.


Nunca tinha lido da Jenny Han e sempre ouvi só elogios sobre suas obras de grande delicadeza e criatividade e em Para Todos os Garotos que já Amei pude contemplar todo esse talento.

O livro é narrado em primeira pessoa pela Lara Jean e descore todas as inseguranças que muitos jovens e adolescentes enfrentam no dia a dia. O mais legal dessas situação é que são tão bobas e fazem a personagem se amedrontar tanto que sentimos medo juntamente com ela.

[ - Imagem retirada da internet - ]

Fica bem claro na estória que a Lara é totalmente dependente da irmã mais velha desde coisas fáceis ás mais complicadas e quando a Margot vai pra faculdade tudo sobra pra ela fazer desde levar a Kitty pra escola a fazer o jantar todos os dias. Por conta disso a personagem cresce bastante ao decorrer da estória e ficar longe da irmã lhe proporciona um expansão de horizontes que até então desconhecia.

Adorei cada personagem secundário sendo todos muito bem construídos. Josh sofre pela namorada que está indo estudar em outro país e ao mesmo tempo fica confuso em saber que Lara era apaixonada por ele e no meio de tudo isso ainda surgi Peter que começa namorar Lara Jean para despistar Genevive sua ex possessiva. Deu pra perceber a confusão não é mesmo?

Kitty é a irmã mas nova da protagonista e de longe minha personagem favorita. Mesmo sendo uma criança ela tem conselhos magníficos fora sua inteligência sem igual. Me divertir cada vez que a personagem surgia e queria mais quando saia.

— Não sei. Ele é engraçado. Faz um monte de brincadeiras. Você deve estar muito apaixonada se está fazendo sanduíches para ele. Quando a Margot e o Josh começaram a namorar, ela fazia macarrão com molho de três queijos o tempo todo, porque é o prato favorito dele. Qual é o prato favorito do Peter?
— Eu… eu não sei. Quer dizer, ele gosta de tudo.
Kitty me olha de soslaio.
— Se você é a namorada dele, deveria saber qual é a sua comida favorita.
— Sei que ele não gosta de maionese — digo.

O romance tinha tudo para ser clichê e acabou sendo fofo e amavél. No meio de toda essa confusão Peter e Lara se encontram e mesmo parecendo improvável eles se apaixonam sem ao menos perceberem. Adorei toda doçura e sutileza que a aurora usou para a construção do romance, são dois adolescentes totalmente diferentes que em circunstâncias normais jamais se envolveriam e agora percebem que são pessoas diferentes do que imaginavam. Lara é divertida e até os amigos do Peter a adoram enquanto ele não é o atleta cabeça oca que ela imaginava.

[ - Imagem retirada da internet - ]

Sou toda elogias a estória como também a editora, essa edição está M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A. A capa foi mantida a original e a diagramação está impecável e muito fofa enfatizando ainda mais a doçura da obra.

O livro é bem juvenil e gostosinho de se ler, lembrei de vários momentos da minha adolescência quando tudo parecia que era o fim do mundo  e hoje vejo que não era nada de mais, mas essa é a graça do livro - no meu caso - reviver essa fase tão difícil e ao mesmo tempo tão gostosa onde os primeiros amores são especiais e as descobertas não param de aparecer. Recomendo o livro a todos pois mesmo sendo direcionado ao público mais teen com certeza agradará a todas as idades.

17 comentários:

  1. Oi Stefani, já li tantos trechos desse livro que fico muito curiosa para conferir, com certeza deve ser uma leitura muito válida e especial, ainda mais por você dizer que ele é jovial, bem ao estilo adolescente. Que bom que o romance não se tornou clichê e sim fofo. Espero ler em breve.
    Beijos, Fer ♡♡

    ResponderExcluir
  2. Oi Stefani, eu li este livro no ano passado e fiquei encantada com a simplicidade da história e o quanto ela me envolveu. Mega concordo com você quando disse que o Peter e a Lara se apaixonaram sem perceber. Achei isso o ponto forte da história.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Já ouvi falar muito desse livro e me encantei pela premissa.
    Apesar de termos o mesmo nome, Lara e eu somos totalmente diferentes, haha. Mas, confesso que também sentiria muito vergonha se algo assim acontecesse comigo. Por esse motivo parei com os diários já a um bom tempo.
    Parece ser um ótimo livro, adoro histórias fofinhos de romances juvenis.

    Abraços, Lara.
    http://imperioimaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá Stefani!
    Quantos elogios. Li o livro e não tive a mesma impressão que você. Não achei o romance clichê, mas acehi fraco e não me convenceu. A Kitty também é mubha personagem favorita. Aliás, do segundo livro também rs
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Eu fiquei curiosa com esse livro desde que o vi pela primeira vez, mas não sabia sobre o que tratava e fiquei bem curiosa agora lendo sua resenha. É engraçado isso das cartas terem sido enviadas, mas é extremamente trágico, imagino o desespero da protagonista kkkkk Enfim, fiquei realmente bem animada com a história agora, porque adorei saber que o romance é fofo e que a protagonista vai amadurecendo com o decorrer da história.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  6. Ai, eu quero muito ler este livro e a sequência dele. Nossa, este livro explodiu no gosto do público e para mim não parece que é o moderninho como a culpa é das estrelas porque eu adorei a sinopse e a coisa de que ela guardava as cartas, acho que se eu pensasse também teria feito isto. Não vejo a hora de poder ler estes livros, mas tenho que ir diminuindo a pilha antes.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Stéfani! Tudo bem?
    Acho a capa desse livro super fofa! Quanto ao enredo, de início eu estava gostando do que você comentou sobre as cartas serem espalhadas para os garotos e isso ter dado uma grande confusão. Fiquei imaginando as situações engraçadas que podem ter surgido por causa disso. hahaha No entanto, como eu não gosto muito de romances, eu acho que o livro só me interessaria se ele fosse mais puxado para um estilo de comédia do que se fosse focado no relacionamento da Lara com o Peter. Não pretendo lê-lo neste momento, mas talvez futuramente eu possa arriscar e ver se gosto. Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  8. Oiii!

    Eu ainda não li esse livro e não tenho a maior vontade. Eu gosto bastante de clichês e até me animo com a história, o problema é que eu acho que a autora (pelo o que eu li) deixou o final aberto tanto desse e o segundo livro, então eu não sei se quero por medo de ser uma série e eu estar totalmente sem tempo para leitura nesses estilos, mas quem sabe um dia.
    Adorei saber que foge do clichê!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oie! Também já ouvi vários comentários positivos acerca das obras dessa autora, mas nunca tive a oportunidade de ler alguma. Essa parece ser incrível, com todos os problemas que o enredo apresenta. Achei legal a personagem ser dependente da irmã mais velha, mas crescer quando a outra precisa se afastar. Fiquei muito curiosa para conhecer a relação de Lara Jean e Peter. Alguns romances juvenis não me atraem muito, mas esse tem características próprias que me deixam ansiosa pela leitura. *-*

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  10. Oi Stéfani, sabe que sempre tive vontade de ler esse livro e de conhecer a escrita da autora mas nunca tinha tido oportunidade então, eu gosto muito desses livros de romance mais juvenil, normalmente me agradam muito e devo confessar que a sua resenha me mostrou exatamente isso. Por isso quero ler ele logo!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  11. Adoro livros juvenis, e o que mais gosto neles é essa capacidade que têm de me fazer voltar ao passado e me mostrar como nossa percepção do que é problema muda com o tempo... rs... Adorei saber que o romance acaba sendo fofo e amável, gosto muito dessa capa e a diagramação parece estar mesmo bem legal. :) Já tenho esse livro e a continuação, e espero conseguir ler logo.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi, flor.

    Eu já estava doida para ler esse livro, lendo sua resenha fiquei mais ansiosa ainda. O livro parece ser bem juvenil, fofo e tenho certeza que vou curtir a leitura. Amei que a trama tinha tudo para ser clichê, mas a autora deu uma inovada. Fico feliz que você tenha curtido o livro e espero ler em breve.

    Beijos!
    www.anebee.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oii, tudo bem?
    Adorei a sua resenha!Fico muito feliz que a leitura tenha sido agradável. Eu confesso que gosto muito da premissa desse livro, e tenho muita curiosidade em saber quem enviou as cartas, apesar de desconfiar que a irmãzinha dela esteja envolvida. É um livro que com certeza está na minha lista de desejados e que com certeza será uma das minhas próximas leituras.

    ResponderExcluir
  14. Oi ^^

    Este é um livro que se encontra na minha lista de desejados e com certeza agora fiquei ainda mais tentada a lê-lo.

    A premissa me parece muito interessante e divertida, por isso eu acredito que a leitura será muito boa e que não irei me arrepender. Com certeza também irei relembrar alguns momentos da minha adolescência hehe

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Eu já li várias resenhas sobre esse livro e todas são bem positivas. Eu não sei se o leria, porque livros mais juvenis não me agradam tanto, só quando são fantasia. Mas tenho certeza que eu gostaria de lê-lo quando estiver mais na vibe do gênero, porque confio na autora e como você disse, ele é gostosinho de ler. Então quem sabe pra eu relembrar a adolescência, eu não leia né?

    beijo!

    ResponderExcluir
  16. Apesar de eu não curti romances, principalmente os adolescentes, o enredo desse livro me intriga. Quando eu era adolescente escrevi muita carta que nunca enviei...e queria saber o que ela diz nas suas cartas. Acho que por me identificar com isso daria uma chance ao livro.
    Um abraço
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  17. Ei, tudo bem?
    Eu pretendo ler esse livro em breve, porque já estou adiando a leitura a um tempo. Adoro a escrita da autora, ela é uma das únicas pessoas que conseguem me cativar com histórias de adolescente, sem deixar isso chato. A capa é muito linda e espero curtir bastante a leitura.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura

    ResponderExcluir