17 abril 2017

[Resenha] O garoto do sonho - Por Erick Mafra



Título: O garoto do sonho
Autor (a): Erick Mafra
Páginas: 128
Editora: Astral cultural

Sinopse: Maria Clara é uma jovem com uma vida comum, com pensamentos e rotina de uma vida comum. No seu primeiro dia de férias, presencia um acontecimento que a faz questionar a razão da vida. Sem encontrar respostas em sua própria mente, Maria Clara então abre espaço para se relacionar com quem tem respostas. Em um sonho, conhece um garoto chamado Eryn, que é de outro planeta, um representante de uma Nova Cultura que lhe mostra uma nova visão de amor, Deus, mundo e vida.


Maria Clara esta sem seu primeiro dia de férias quando presencia um acidente de carro. Chocada, reflete sobre os planos de Deus em nossa vida, e sobre como julgam os outros sem saber. Ainda refletindo, ela tem um sonho que dividira sua vida em antes e depois. No sonho, Eryn, um garoto lindo com o cabelo colorido fala com ela. Ainda com dúvidas, decide ir em uma festa com sua paquera, e encontra com o garoto de seus sonhos por acaso. Fica confusa, como ele estaria em seus sonhos, se ela nunca havia o visto? Maria entra em um universo de dúvidas, para encontrar a sua paz interior




Muita gente conheceu esse livro por conta da divulgação que ele teve. O conheci pelo instagram da Nah Cardoso, achei todo o design lindo e a proposta interessante. Quando fui ler estava com altas expectativas, e posso dizer que gostei do resultado, embora não seja tão surpreendente.

"- Quando você tem um propósito verdadeiro no mundo, você se une com aqueles que também têm o mesmo objetivo." 

Acompanho alguns autores em suas jornadas de escrita, e a dica que sempre dão é ''detalhe os fatos, apenas diga o que acontece, mas vá mostrando ao leitor o cotidiano daquele personagem, não seja tão direto'' e eu ouso dizer que Erick Mafra não segue esse conselho, o que é o ponto negativo do livro. Ele apenas nos da os fatos, sem muitas descrições. As vezes é apenas uma frase pequena contando algo que daria uma outra página de estória. Isso reflete ao caso de eu não me envolver com os personagens, pois não havia sentido na pele tudo que eles passaram.

A mensagem que o livro passa é o ponto mais forte. Ele fala sobre paz, sobre o mundo e sobre a ignorância de algumas pessoas, que não sentem vontade de ajudar o próximo. Essa é a Nova Cultura, que basicamente coloca o amor acima de tudo e todos. Essa parte foi bem aprofundada, no fim do livro teremos sobre cada personagem e o seu papel nesse universo.

“Um trabalho que Jesus, Buda, Kaw Yin e Yan Yin e muitos outros representantes do Amor há milhares de anos começaram. Agora era a hora de todos viverem aquilo que com muito Amor foi ensinado.”
É um livro original, moderno, com uma trama que nem sempre é tão mostrada, que vai a fundo nos sentimentos e nas pessoas que transbordam amor. Com um palavreado simples, bem curto, que pode ser lido em apenas um dia. Uma estória para ser absorvida e passada aos outros, todos merecem conhece-la. Não pela capa, não pela diagramação, mas pelo carinho do autor nítido em cada página.

Nenhum comentário:

Postar um comentário